fbpx

Ética profissional: os impactos dessa prática no ambiente de trabalho

Ética profissional: homens e mulheres de mãos dadas.

A ética profissional é o ramo da filosofia que busca compreender e aplicar o que é moralmente correto no âmbito de trabalho. Portanto, esse conceito abrange parâmetros que determinam quais atitudes são adequadas e honestas no ambiente corporativo.

Em cada área, pode haver diferenças no que se refere a um profissional ético. Por exemplo, um médico e um jornalista atuam de modo diferente e têm responsabilidades diversas.

No entanto, algumas práticas são idênticas, porque visam ao desenvolvimento e ao bem-estar de todos os colaboradores e gestores da empresa.

Por isso, é preciso entender o que a ética na profissão significa e como ela impacta o mercado de trabalho. Neste post, vamos explicar melhor. Continue lendo e saiba por que vale a pena estudar esse assunto.

Qual a diferença entre moral e ética profissional?

A diferença entre moral e ética profissional reside na sua finalidade. Assim, a primeira tem relação com a legislação trabalhista, normas e regras padrões.

Ou seja, são os costumes tradicionais adotados por um grupo de pessoas no ambiente empresarial. Enquanto isso, a segunda abrange os princípios que determinam os comportamentos de um grupo profissional, com o foco na realização de certos deveres.

Portanto, a moral esperada dentro do ambiente de trabalho é bem clara, já que está definida pelas leis. Já a ética define os princípios a serem seguidos, garantindo a homogeneidade da equipe, dos líderes e de outras pessoas existentes no ambiente organizacional.

Portanto, a ética na profissão evita os conflitos de interesse, que costumam gerar situações desconfortáveis, posturas inadequadas e pressão no ambiente corporativo. Afinal, todos estão em posição de igualdade.

Assim, a falta de ética pode contrariar a moral, apesar de isso nem sempre acontecer. Um exemplo é quando um colaborador furta algo do colega. Nesse caso, os dois aspectos são feridos.

Quais os benefícios da ética profissional para o mercado de trabalho?

Os benefícios da ética profissional para o mercado de trabalho são:

Melhoria do clima organizacional

Todos os colaboradores sabem o que devem fazer e quais comportamentos são esperados no ambiente de trabalho. Isso leva a uma harmonia maior, com o compartilhamento de objetivos e responsabilidades.

Melhoria da reputação organizacional

A empresa também passa a ter uma reputação mais positiva perante a sociedade. Ela vivencia aquilo que prega, o que evita situações negativas, como: 

  • metas irreais;
  • práticas tóxicas;
  • posturas abusivas;
  • qualquer situação que pode se tornar um escândalo.

Crescimento da produtividade

Em vez da empresa adotar políticas rígidas para tentar aumentar o desempenho dos colaboradores, essa vantagem vem de uma situação natural. Ou seja, o ambiente de qualidade evita a insatisfação dos profissionais. Portanto, tem impactos significativos. Por exemplo: 

Clareza nos processos

A adoção da ética profissional implementa uma cultura de feedbacks, com líderes éticos que também aceitam o retorno dos colaboradores. Assim, há uma melhoria da comunicação entre todos, já que as dúvidas são sanadas com rapidez. Isso gera mais fluidez nos processos realizados.

Engajamento da equipe

Uma equipe que sabe o que deve fazer e se sente parte da organização é mais engajada e motivada. Isso gera todos os benefícios já citados, como o aumento da produtividade, a melhoria do clima e da reputação organizacionais.

Como os cursos de graduação são importantes para construir a ética profissional?

Os cursos de graduação são importantes para construir a ética profissional, porque indicam como ser um profissional mais focado, ciente de seus deveres e responsabilidade, e consciente das demandas do cargo. Dessa forma, você se torna especialista com mais diferenciais competitivos e mais chances de se destacar no mercado.

Assim, qualquer curso de Ensino Superior, ensina o que é esperado eticamente de um profissional na área que se está estudando. Ou seja, fica mais fácil internalizar os preceitos da profissão.

Vale a pena destacar que todo curso de Ensino Superior conta com uma disciplina de ética, cujo conteúdo é adaptado à área estudada. Além disso, é essencial fazer debates para obter insights. Inclusive, isso é adotado na graduação EaD.

Quais são as características da ética profissional?

As características da ética profissional abrangem valores pessoais. Entre elas estão empatia, respeito, dedicação e devoção. Ainda existem outras a serem analisadas. Veja.

Honestidade

É uma postura que deve integrar o ser humano e fazer parte de qualquer situação, por mais complexa que seja. Por isso, precisa ser incentivada de forma frequente.

Altruísmo

Consiste na preocupação com os interesses das outras pessoas. Isso é central para que todos trabalhem em prol de um objetivo comum.

Respeito

É fundamental ter respeito na relação com outras pessoas. No entanto, essa característica também está relacionada à legislação na ética profissional. Assim, é o cumprimento das regras exigidas.

Valores

Os valores são ações e atitudes realizadas no dia a dia. No âmbito profissional, a ética exige respeito, devoção, dedicação e empatia, que são bons exemplos dessa categoria. Isso faz com que você se destaque no mercado de trabalho por contar com as principais habilidades desejadas pelas empresas, as soft skills.

Integridade

A pessoa íntegra faz o que é correto, independentemente da situação e das pressões existentes. No ambiente corporativo, isso significa ser de confiança, algo bastante valioso para as organizações.

Justiça

As políticas internas e as relações trabalhistas devem ser pautadas pela justiça. Os colaboradores também devem agir dessa forma para que a igualdade e a diversidade sejam implementadas no negócio.

Lealdade

Essa característica ética envolve a fidelidade e o compromisso com alguma causa. O colaborador leal tem sua motivação e engajamento elevados, o que também reduz o turnover e o absenteísmo.

Virtude

A virtude é o que faz a pessoa ser diferente dos outros. Portanto, tem relação com a autenticidade e com a capacidade de fazer o que é correto, sempre.

Solidariedade

Esse aspecto ajuda na convivência em harmonia e permite que o trabalho em equipe seja mais bem realizado. Além disso, faz com que o profissional seja mais humilde, tenha compaixão e gentileza. Assim, esses valores são passados para toda a empresa.

Qual é a importância das características da ética profissional?

A importância das características da ética profissional é a garantia de um ambiente organizacional melhor, com mais qualidade de vida no trabalho. Assim, os colaboradores apresentam uma convivência melhor e têm uma relação pautada por colaboração, respeito, harmonia e justiça. Afinal, todos trabalham com o mesmo objetivo, o que gera um clima mais positivo e saudável.

Tudo isso é fortalecido com a primeira graduação, a pós e os outros cursos que você venha a fazer posteriormente. O Ensino Superior precisa preparar profissionais pautados pela ética.

Ou seja, você desenvolve melhor as suas características pessoais e passa a ter mais responsabilidade consigo mesmo e com os outros. A ética profissional perpassa todo o seu dia a dia e faz com que você se prepare melhor para saber como entrar no mercado de trabalho.

Então, gostou de entender a importância da ética na profissão? Veja outras dicas relevantes seguindo as redes sociais da FABAD: Facebook, LinkedIn, Instagram, Youtube.

Compartilhe com seus amigos
Pular para o conteúdo